11 out, 2019
por Daniel Geraldes
93
210

Estudo analisa movimentação agropecuária no País

Nos últimos 43 anos, o crescimento médio foi de 3,36% ao ano.

Estudo realizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), como foco nos últimos 43 anos (de 1975 a 2018 ) da produção agropecuária brasileira, levanta crescimento médio de 3,36% ao ano, taxa superior à de países como Argentina, Austrália e China, assim como a maior que a média histórica dos Estados Unidos (1948-2015), de apenas 1,38%.

O estudo da Produtividade da Agricultura Brasileira realça que o produto da agropecuária teve incremento de 3,81% e o de insumos, 0,44%, no período analisado, onde os ganhos da ação estão principalmente ligados aos investimentos em pesquisa, adoção de novos sistemas de produção, melhorias em infraestrutura, como estradas e escoamento da produção para o exterior por portos, instrumentos da política agrícola.

De acordo, coordenador-geral de Avaliação de Políticas e Informação, da Secretaria de Política Agrícola (SPA) do MAPA, José Garcia Gasques, a melhoria da produtividade no campo está associada a mão de obra mais qualificada e à eficiência no uso de máquinas e implementos, com ganhos de qualidade e treinamento para a realização das operações. A produtividade nos anos recentes, com foco no período de 2000 a 2009, teve um desempenho considerado favorável, de 3,8% ao ano e o produto, 5,18%.

Porém, também é levantado que no período de 2014 a 2018, o crescimento desacelerou devido a fatores climáticos, como secas, que afetaram principalmente a produção de grãos.

“É possível que a produtividade desse período também foi afetada pela complexidade associada a uma escolha ótima de insumos. Isto também pode ser aceito sabendo que esse período foi um período difícil de uma maneira geral, inclusive pelo baixo crescimento da economia brasileira nesses anos”, explica Gasques, sobre a queda.

Para complementar as informações encontradas pelo Ministério, a pesquisa foi atualizada, incorporando informações preliminares do Censo Agropecuário 2017 e das pesquisas anuais do IBGE – Produção Agrícola Municipal e Pesquisa da Pecuária Municipal, permitindo uma maior precisão das estimativas.

O coordenador ainda destaca que as estimativas são feitas com base na Produtividade Total dos Fatores (PTF), que é a relação entre o produto da agropecuária e os insumos. O índice é abrangente e permite a comparação dos índices de produtividade entre países.

Para a produção do estudo,  a participação da Secretária de Política Agrícola do Mapa, Embrapa, Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea/USP) e uso de dados do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA, sigla em inglês), foram necessários.

Fonte: MAPA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graxaria
  • Óleos e Gorduras
  • Pet Food
  • Aqua Feed
  • Animal Feed
  • Espuma
Aguarde...

Cadastre-se

Aguarde...

Esqueci minha senha

Aguarde...
Translate »