11 nov, 2020
por Daniel Geraldes
122
714

Exportações de carne suína já somam alta de 40,4%

Segundo a ABPA, os dez primeiros meses do ano correspondem à 853,4 mil toneladas.

Em destaque, as exportações brasileiras de carne suína acumulam alta de 40,4% em 2020, com 853,4 mil toneladas, ante 607,7 mil em 2019, como aponta levantamentos realizados pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Para chegar a tal resultado, ação considerou produtos in natura e processados.

De acordo com a Associação, ao que se refere à receita do período de dez meses corridos, a alta acumulada no ano chega a 48,5%, com US$ 1,876 bilhão em 2020, contra US$ 1,264 bilhão.

Ao se considerar apenas o mês de outubro, a ABPA aponta que as vendas da proteína para o exterior chegaram a 88,5 mil toneladas, número 21,5% superior ao registrado no mesmo período de 2019, com 72,8 mil toneladas. A receita em dólar dos embarques do mês chegou a US$ 199,4 milhões, resultado também superior, resultando em alta d 24,5%.

Principais mercado. Dentre os principais países consumidores, a China segue como destaque, com 423,2 mil toneladas embarcadas nos dez primeiros meses de 2020, volume 123% maior em relação ao mesmo período do ano anterior. Seguida por Hong Kong, com 143,1 mil toneladas (+10%), Singapura e Vietnã, respectivamente com 45,5 mil toneladas (+57%) e 36,9 mil toneladas (+222%) e Chile, com 33,5 mil toneladas (-10%).

“As vendas para a Ásia seguem sustentadas, especialmente para os destinos impactados por crises sanitárias de Peste Suína Africana. A tendência é de continuidade deste quadro, apontando para projeções totais de 1 milhão de toneladas embarcadas pelo Brasil nos 12 meses deste ano”, avaliou o presidente da ABPA, Ricardo Santin.

Fonte: ABPA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graxaria
  • Óleos e Gorduras
  • Pet Food
  • Aqua Feed
  • Animal Feed
  • Espuma
Aguarde...

Cadastre-se

Aguarde...

Esqueci minha senha

Aguarde...
Translate »