27 set, 2017
por Daniel Geraldes
43
3331

Faturamento de marca própria pode chegar a R$ 5,3 bilhões este ano

Impulsionados pela crise, as marcas próprias têm apresentado expansão expressiva nos últimos anos.

Em 2016, o avanço foi de 15,6%, segundo dados da Nielsen, e a perspectiva é que a alta se mantenha em patamar semelhante este ano, atingindo um faturamento de R$ 5,3 bilhões. A participação no varejo brasileiro, contudo, ainda é baixa, de 5%, frente uma média global de 16,1%.

O crescimento tem se dado pela mudança de hábito dos brasileiros, que diminuíram a compra das marcas líderes e passaram a consumir itens mais baratos, entre eles os de marca própria (MP). Segundo o levantamento da Nielsen, 48% da expansão do segmento veio de novos compradores. Além disso, os próprios varejistas têm olhado com mais atenção para a estratégia, investindo no lançamento de novas marcas e produtos. No ano passado, foram lançadas 58 novas marcas próprias e 2.190 novos itens.

“A crise econômica contribui muito. Sempre que tem uma recessão o segmento decola”, afirma a presidente da Abmapro, Neide Montesano. A executiva cita o exemplo da crise mundial de 2008, época em que as marcas próprias apresentaram uma expansão muito forte nos estados Unidos e Europa, regiões que foram mais afetadas. Segundo ela, o crescimento do segmento este ano deve se manter em torno de 15% no Brasil. Se concretizada a previsão, o setor atingiria faturamento de R$ 5,3 bilhões, frente R$ 4,6 bilhões em 2016.

Fonte: Espuminha ABISA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graxaria
  • Óleos e Gorduras
  • Pet Food
  • Aqua Feed
  • Animal Feed
  • Espuma
Aguarde...

Cadastre-se

Aguarde...

Esqueci minha senha

Aguarde...
Translate »