17 mar, 2021
por Daniel Geraldes
140
1797

Mercado de Linhaça (Fev/21)

Notícias da semana:

Mercado de Linhaça (Fev/21)

Por Maria Thereza | Aboissa commodity Brokers

O mercado continua sofrendo muito com a escassez de semente de Linhaça devido a quebra da safra de 20%, causada pela seca que acometeu as principais regiões de cultivo da oleaginosa. A seca gerou um baixo rendimento por hectare, e os maiores players do Cazaquistão e Sibéria comercializaram quase 90% da produção para China, que por sua vez, conseguiu pagar preços mais atrativos graças a logística das regiões produtoras até a China, que é considerado mais competitivo quando comparado com Europa.

Devido a falta de sementes de Linhaça, o preço aumentou exponencialmente e os players esperam uma recuperação de estoque somente após a próxima safra, previsto para o segundo semestre.

Os maiores fornecedores globais de Óleo de Linhaça estão com os estoques próximo de zero, e toda produção vendida até final do Q2.
Nenhuma indústria de Óleo neste momento está funcionando com a sua capacidade plena, por isso todos amargam um enorme prejuízo. Segundo um dos maiores produtores de Óleo de Linhaça do mundo, essa é a maior escassez de sementes dos últimos 14 anos.
Até a semana passada, o preço da semente de Linhaça custava USD800/MT CIF Europa e o Óleo à granel em torno de USD1.680/MT Ex-tank Rotterdam, hoje os valores são praticamente o dobro e não há volume disponível para embarque imediato.

* Fonte Aboissa News

2 respostas para “Mercado de Linhaça (Fev/21)”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graxaria
  • Óleos e Gorduras
  • Pet Food
  • Aqua Feed
  • Animal Feed
  • Espuma
Aguarde...

Cadastre-se

Aguarde...

Esqueci minha senha

Aguarde...
Translate »
×

Olá, como posso te ajudar?

Clique abaixo para falar conosco pelo WhatsApp.

× Como posso te ajudar?