13 jan, 2018
por Daniel Geraldes
54
7061

Ônibus do Rio de Janeiro usarão combustível mais limpo

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, decretou a adição obrigatória de 20% de biodiesel no diesel utilizado pelas empresas concessionárias do Sistema de Transporte Público por Ônibus da cidade. O objetivo é reduzir as emissões de CO2, de acordo com decreto publicado no Diário Oficial.
As empresas terão até 60 dias para se adequar à determinação. A Secretaria Municipal de Transportes será responsável pela fiscalização e editará as normas necessárias à execução do ato.

A redução das emissões de gases tóxicos e causadores de efeito estufa atrelada à melhoria da qualidade do ar na região metropolitana está entra as principais justificativas da prefeitura para a adoção do combustível mais limpo.

O uso de B20 no transporte público das grandes cidades é um projeto defendido pela União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio). Em janeiro do ano passado, o B20 passou a fazer parte da capital do país, com os ônibus que circulam por Brasília utilizando o combustível renovável.

O diretor superintendente da Ubrabio, Donizete Tokarski, conta que houve uma participação direta da Ubrabio na construção dessa decisão. “Em uma reunião com o prefeito Crivella, em dezembro, pude demonstrar todas as externalidades econômicas, sociais e ambientais do B20. O prefeito ficou muito sensibilizado com a questão e solicitou ao professor Nelson Furtado, coordenador e fundador do Programa Rio Biodiesel, uma definição de políticas públicas para que pudesse adotar o projeto na cidade. O resultado é esse decreto”, celebra Tokarski.

Fonte: Ubrabio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Graxaria
  • Óleos e Gorduras
  • Pet Food
  • Aqua Feed
  • Animal Feed
  • Espuma
Aguarde...

Cadastre-se

Aguarde...

Esqueci minha senha

Aguarde...
Translate »